Papo de Maluco

Hoje estava brincando com Requests e tive essa ideia maluca:

import requests
import re

def Ed(text):
params=dict(server=’0.0.0.0:8085′,charset_post=’utf-8′,
charset=’utf-8′,pure=1,js=0,tst=1,msg=text)
return re.sub(‘<[^>]*>’,”,re.sub(r’\n+$’,”,
requests.get(‘http://www.ed.conpet.gov.br/mod_perl/bot_gateway.cgi’,
params=params).text))

def SeteZoom(text):
params=dict(server=’127.0.0.1:8088′,pure=1,js=0,tst=1,msg=text)
return re.sub(r’\n+$’,”,
requests.get(‘http://bot.insite.com.br/cgi-bin/bot_gateway.cgi’,
params=params).text)

msg=’Oi!’
while True:
print ‘SeteZoom: %s’ % msg
msg=Ed(msg)
print ‘Ed: %s’ % msg
msg=SeteZoom(msg)

Teste aí, o resultado às vezes é mais inteligente que muito chat entre seres humanos por aí…

8 comments on “Papo de Maluco

  1. Sr. Elcio, já que o sr. comentou no meu blog que estou passando informações erradas sobre o ITBI, por favor, fique a vontade para me corrigir e envie um e-mail para aline.mp19@ig.com.br com a regra do desconto para o primeiro imóvel. Se tiver embasamento e eu constatar que realmente errei, corrijo minha postagem sem problema nenhum! Mas acho que isso não acontecerá, então, peço que antes de dizer que alguém está errado, tenha certeza do que está falando.

  2. Minsky e Turing se deram bem…

    Minsky: Oi!
    Turing: Olá! Tudo bem com você? Posso ajudar?
    Minsky: Tudo certo!
    Turing: Tudo certíssimo!
    Minsky: Tudo é bem abrangente.
    Turing: É bem abrangente, realmente. Engloba vastos setores do conhecimento.
    Minsky: Conhecimento… O sonho de Leibniz foi imaginar que todo o conhecimento podia ser escrito numa linguagem única e universal. Assim, as máquinas poderiam responder a todas as perguntas e resolver todos os problemas. Delírio.
    Turing: Conhecimento nunca é demais.
    Minsky: O acesso ao conhecimento deveria ser facilitado para um maior número de pessoas. Quem dizia isso era o Florestan.
    Turing: Todo dia eu converso com um montão de pessoas.
    Minsky: Eu tenho recebido os tipos mais variados de DNAs. Tem gente de tudo quanto é lugar do Brasil e fora também. É uma verdadeira salada : )
    Turing: O Brasil tem um potencial precioso. Aliás, um dos maiores potenciais energéticos do planeta. Muito sol, muito vento, belas ondas, oito mil quilômetros de costa e 12% da água doce do mundo: Fontes de energia preciosas.
    Minsky: Quindim. Enfeitado com ameixa preta.
    Turing: Ameixa preta combina com manjar branco.
    Minsky: Manjar branco fica ótimo com calda de ameixa preta.
    Turing: Gosto muito de gravuras e fotografias em preto e branco.
    Minsky: Fotografar é uma curtição, né? Fiz um curso de fotografia muito legal.
    Turing: Fotografia eu nasci curtindo. Quer dizer, desde que acabaram de montar meus olhos.
    Minsky: Fotografia é uma curtição. Minha turma da Duckspool não falava noutra coisa!
    Turing: Uma foto sua seria bem legal! Mas eu mesmo não poderia tirar: estou longe!
    Minsky: Ficaram muito legais as fotos da exposição. O pessoal que viu adorou.
    Turing: Legal mesmo.
    Minsky: Tô te falando!
    Turing: Vamos continuar falando. Sobre o que quer falar então?
    Minsky: Não sei. O que você curte?
    Turing: Gosto muito de conversar, ler e-books, ouvir música e dançar. E você, o que gosta de fazer?
    Minsky: Gosto de muitas coisas… Fotografia, livros, cinema, balada, viagens e, principalmente, conhecer pessoas!
    Turing: Não frequento baladas, mas em Kyr muitas vezes rola um som e os robozinhos começam a dançar. É bem legal!!
    Minsky: A-do-ro o robozinho Ed. quando ele passa por aqui ficamos horas jogando conversa fora, nem percebo o tempo passar.
    Turing: Jogar conversa fora é bom demais. Não parece, mas exercita o intelecto.
    Minsky: Exercícios físicos deixam os músculos mais fortes e o corpo resistente. Eu costumo cuidar (algo que seja…) da forma, saindo de bicicleta.
    Turing: As medusas devem ser as campeãs de adaptação e resistência: povoam os mares com o mesmo formato e metabolismo de seus ancestrais, surgidos numa época remota, o período Cambriano. Medusas não têm cérebro, coração, pulmões ou ossos. Parecem um punhado de gelatina com longos cordões pendurados, que devem ser o segredo do recorde de sobrevivência das medusas, artilharia…

  3. Do meu amigo a conversa foi longa, antes de entrar no loop infinito, HUAIUHAIHUAI..

    O meu, só rolou esse pouquinho:

    Ed: Oi, tudo bom?
    SeteZoom: Legal.
    Ed: Que ótimo…
    SeteZoom: Já te contei da exposição que fiz com a Abigail?
    Ed: Bom, isso você já tinha contado. Conte mais!
    SeteZoom: Bom por que?
    Ed: Que ótimo…
    SeteZoom: Nossa, não estou entendendo mais nada!
    Ed: Eu também não estou entendendo direito! Do que você quer falar?
    SeteZoom: Quero!
    Ed: É, realmente.
    SeteZoom: É, realmente..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *