Parallel Python

Embora seu computador possa ter dois, quatro, oito ou até dezesseis núcleos de processamento, o Python só usa um deles de cada vez (mesmo trabalhando com threads). Parallel Python resolve o problema. Um exemplo simples, para você entender como funciona:

ppserver = pp.Server(ppservers=())
job1 = ppserver.submit(funcao_demorada, (), (), ())
job2 = ppserver.submit(funcao_demorada, (), (), ())
print job1()+job2()

Os quatro argumentos do método submit são: a função que será executada, os argumentos passados a ela, as funções que ele pode chamar e os módulos dos quais ela depende. Veja um exemplo de como chamar com esses parâmetros:

ppserver = pp.Server(ppservers=())
job1 = ppserver.submit(funcao_demorada, (44,), 
                        (sub_funcao,), ("sys","math",))
job2 = ppserver.submit(funcao_demorada, (25,),
                        (sub_funcao,), ("sys","math",))
print job1()+job2()

Divirta-se!

A quebra da proteção anti-cópia do HD-DVD, o Digg, e o futuro do DRM e das indústrias de música e cinema.

Saudações amigos piratas!

O Digg perdeu o controle de seu próprio site por causa da singela seqüência de números[bb] acima. Uma história interessante que vale a pena acompanhar. Sua primeira tendência pode ser a de criticar o Digg pela censura. Mas, pense bem, se fosse o seu pequeno negócio de milhões de dólares que estivesse ameaçado de processo judicial, será que você seria realmente tão corajoso assim?
Continue reading…

Veja como você será quando ficar velho.

Mude seu CSS. Veja como você será quando ficar velho. Ou como você era quando criança, bebê, adolescente, ou ainda transforme seu rosto num de outra raça. Na seqüência a seguir, você pode ver meu rosto com templates do extremo oriente, do oriente médio, afro-caribenho, adolescente e idoso:

O formato de bebê não ficou bom, acho que por causa da barba. Brincadeira interessante. Faça você também, basta acessar o Face transformer e seguir as instruções.

Navegando