StayValid

O caso é muito comum: você cria um site com um gerenciador de conteúdos qualquer. Por exemplo, um blog WordPress. Você valida o código e o site passa perfeitamente pelo validador. Mas, depois de algum tempo, alguém, você, seu cliente, seu colega, seu cachorro ou seu papagaio fazem um post no blog, ou alteram um conteúdo no CMS e isso quebra a validação. E você só vai descrobir sabe-se lá quanto tempo depois.

Como resolver este problema? Validar todos os seus sites, todos os dias?

O StayValid valida seu site para você, todos os dias, de hora em hora. Insira o endereço de seu site e o StayValid vai criar um feed RSS[bb] onde você pode acompanhar os resultados da validação. Se tudo correr bem, você vai receber apenas uma notícia por dia, do StayValid dizendo que validou seu site. Se ele encontrar um ou mais erros, ou se o resultado da validação mudar (por exemplo, você tinha três erros e agora só tem dois) o StayValid vai validar de hora em hora e te avisar via RSS.

Em tempo: o StayValid nasceu de uma necessidade nossa, e se tornou possível porque o código de resultados do validador do W3C é XHTML válido. Bastou então escrever um arquivo XSLT que transformasse os resultados num RSS.

10 comments on “StayValid

  1. Obrigado Elcio!

    Só não entendi uma coisa: O StayValid foi criado para quem se preocupa com validação ou para quem não se preocupa? Ou foi criado com intuito de abrir uma discussão sobre a importância da validação?
    Desculpe, mas tem uns comentários aí totalmente sem noção.

    Abraço, parabéns!

  2. Elcio. parabens kra. aqui onde eu trabalho é normal desenvolver sistemas em que o chefe quer valdiação. como se fosse um selo de qualdiade. esse selo é uma faca de dois “gumes”(é assim que se escreve?) se o kra olhar e tiver invalido, pronto, ferrou. – “pq por o selo aqui e nao tem um codigo certo?” entao isso pode ajudar bastante as pessoas com este tipo de problema. gostei mesmo, uma mao na roda. parabens pela iniciativa.

    Att, Filipe

  3. Sem duvida um sistema interessante que não serve somente para alertar se seu unico site está válido, mas você poderia usar para controlar todos os sites que sua empresa desenvolve. Por exemplo, se você fosse um diretor de TI, você controlaria todos os sites que seus empregados desenvolveram, e saberia se tudo esta validado, sem a necessidade de ficar navegando por eles.

  4. A idéia é muito boa e, embora o vício por sites totalmente válidos seja irracional no mundo real, é bom ficar sabendo de alterações feitas por você ou terceiros que possam comprometer a acessibilidade do site.

    Claro que um site válido não é automaticamente um site acessível mas certas coisas se aplicam em ambors os cenários.

  5. Desculpa Elcio, mas não sei se concordo com essa paranóia em deixar o código 100% válido todas as vezes. Validar o código é importante? Sim.

    Perder o sono por causa de erros de código de terceiros? Nem sempre…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *