O YouTube está bloqueado no seu provedor. Fure o bloqueio, mas proteste.

Provedor “legal”:

Acessar o Youtube bloqueado é fácil.

Minha sugestão é que você, além de fazer as coisas que o Falcon Dark sugeriu, entre em contato com o seu provedor de acesso, peça maiores explicações e expresse seus sentimentos a respeito da situação. Sugiro isso porque concordo com o Falcon Dark, as operadoras de telefonia não estão nem aí para o interesse de você, cliente. Então também precisam ser incluídas em sua lista de reclamações.
Entenda aqui que com “provedor” quero dizer a empresa que realmente conecta[bb] você à Internet. No meu caso, a Telefonica, e não o Terra que sou obrigado a assinar por nada.

Acabo de entrar no atendimento da Telefonica:

Shirley Santos : Bem Vindo(a) Elcio, em que posso ajudar ?
Elcio: Olá, não estou conseguindo acessar o YouTube.
Shirley Santos : Boa tarde Sr. Para localizar seu cadastro e melhor lhe atender, por gentileza, informe o DDD, número do telefone e nome completo do assinante da linha.
Elcio: (omitido)

Elcio: Shirley? Está ainda aí?
Shirley Santos : Por uma ordem judicial foi determinado o bloqueio ao acesso do site YouTube (www.youtube.com) por todos os provedores de internet no Brasil.
Elcio: Sério? Porque?
Shirley Santos : Refere-se a uma ação judicial.
Shirley Santos : Há mais alguma dúvida em que posso ajudar?

Elcio: Na verdade, sim. Eu gostaria de entender melhor porque vocês bloquearam meu acesso aos meus vídeos.
Elcio: Shirley?
Shirley Santos : Senhor,o site foi bloqueado por motivos judiciais o que não refere-se especificamente a “Telefônica” e sim por uma Ordem Judicial.
Shirley Santos : Verifique essas informações no próprio site.
Elcio: em qual site?

Shirley Santos : Site YouTube.
Shirley Santos : Aparece as informações referente o ocorrido.
Elcio: Na verdade, apenas diz que se trata de uma ação judicial.
Elcio: Eu estou querendo mais informações da parte de vocês, de quem eu contratei o serviço de acesso. Quero entender o porque disso.
Elcio: Tenho videos lá, que uso no trabalho. Estou impedido de trabalhar por isso.

Elcio: Preciso entender melhor o problema, saber o que posso fazer para recuperar meus vídeos.
Elcio: Preciso entender também se é política da Telefonica fazer esse tipo de bloqueio sem avisar previamente seus clientes.
Shirley Santos : Este bloqueio se refere ao cumprimento do ofício nº 07/2007 processo 583.00.2006.204563-4, assinado pelo merítissimo Juiz de Direito Dr. Lincon Antônio Andrade Moura, por decisão da Quarta Câmara do Tribunal de Justiça do Estado de Sâo Paulo e, portanto, não se refere a um problema técnico por parte da Telefonica e sim ao cumprimento de uma determinação judicial.
Elcio: Tenho medo de que, no futuro, meu próprio site seja bloqueado, ou coisa assim, entende?
Elcio: Sim, esse é o texto que eu já li, Shirley.

Elcio: Não sei se você entendeu minha preocupação.
Elcio: Eu faço sites[bb], e vendo através de meu site. E tenho medo de que, numa pendenga judicial qualquer, a Telefonica bloqueie meu site.
Elcio: Ou o de algum cliente.
Elcio: Preciso entender melhor qual a política da Telefonica em relação a esse bloqueio.
Elcio: Shirley, está aí ainda?

Elcio: Shirley?
Shirley Santos : As informações que me cabem orientá-lo já foram informadas se houver dúvidas referente ao Processo Judicial compareça a um Fórum e lhe informarão precisamente o porque do processo.
Shirley Santos : Há mais alguma dúvida em que posso ajudar?
Shirley Santos : Caso haja mais alguma dúvida, por favor, retorne o contato. A Telefônica agradece, tenha uma Boa Tarde!
Em seguida fui desconectado do chat e até agora não consigo voltar.

Preste atenção à qualidade do atendimento recebido. Acordo pela manhã, tento acessar um site em que tenho vários vídeos[bb] armazenados, e recebo uma mensagem da empresa que eu contratei para ter acesso a Internet dizendo que não posso acessar meus vídeos por causa de uma ação judicial. A mensagem não dá detalhes sobre o bloqueio, ou sobre a política da empresa em bloquear sites.

Procuro a empresa para ter mais explicações, uma vez que tenho medo de acordar amanhã e não conseguir acessar meu próprio site. A resposta que recebo é: “tudo que tinha que ser dito já foi dito, e se você quiser saber mais, procure um fórum.”

Se você está tão incomodado quanto eu, escreva ou telefone, reclame. Se reclamarmos juntos, podemos fazer alguma coisa em prol do fim da censura. Você pode escrever:

  1. Para o pessoal do Supremo Tribunal Federal. Escreva pedindo o fim da censura no país.
  2. Para o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. É aqui que a decisão foi tomada. Explique para eles o que é a Internet, diga que o YouTube é um site em que os usuários publicam o conteúdo e que, se alguém tem que ser penalizado, é a pessoa que publicou o vídeo lá, e não você. Explique que o YouTube fez o possível para bloquear o vídeo, que inclusive não está lá agora. Conte de sua alegria ao descobrir que não consegue acessar seus próprios vídeos por causa da digna e respeitável senhora e seu não menos digno namorado.
  3. Para o seu provedor, pedindo explicações a respeito do bloqueio e da política deles em bloquear os sites. Expresse sua alegria pelo fato de eles não terem avisado a tempo de você poder salvar seus vídeos que estavam lá. Não aceite “procure um fórum” como resposta. Você assinou um contrato com quem, afinal?
  4. Para a MTV. E para qualquer outro lugar que ameace contratar ou mesmo entrevistar Daniela Cicarelli. Conte-lhes a respeito da vergonha que você tem dessa história toda, e tente mostrar como é ruim para a imagem deles dar emprego a quem prejudicou toda a Internet brasileira (além de ser uma desavergonhada.)
  5. Para a Cicarelli. Alguém tem o e-mail dela?

Depois conte para a gente se obteve resposta de alguém e que resposta foi.

PS: Se você tem talento e disposição para criar uma “mensagem-modelo”, com campinhos para preencher e enviar, principalmente para os tribunais, por favor faça isso. Você vai estar ajudando muito com um pouquinho de seu tempo.

PS2: Parece que o tal juiz voltou atrás. A decisão deve ter mexido com gente demais, talvez inclusive os familiares do próprio juiz ;-) Não deixe de protestar porque o site voltou ao ar. Seu provedor precisa de uma política definida para quando esse tipo de coisa acontecer, e precisa te atender bem. Quem sabe quando será a próxima loucura dessas?

Mais:

15 comments on “O YouTube está bloqueado no seu provedor. Fure o bloqueio, mas proteste.

  1. Cara, se toca. Se quer se informar sobre uma decisão judicial recorra ao Forum ou ao Tribunal de Justiça. A empresa de telefonia é obrigada a cumprir determinações judiciais, como, aliás, qualquer pessoa física ou jurídica permeada pelas leis nacionais. Não é obrigação da empresa de telefonia (e isto e sr. pode ler no contrato do serviço) lhe informar sobre andamento ou fundamentação de processo judicial.

    Sobre o risco de seu site ser bloqueado, fique tranquilo. Isso só pode ocorrer por determinação judicial e, nesse caso, o sr. será informado por ofício ou publicação em orgão competente.

    Procure se informar um pouco melhor sobre a competência judicial antes de fazer críticas descabidas.

    u

  2. LIBERDADE , LIBERDADE, LIBERDADE, LIBERDADE , LIBERDADE ,LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADELIBERDADELIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDALIBERDADE DE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE LIBERDADE DE EXPREÇÃO PODEM CALAR UM SITE MAIS NÃO UMA IDEIA

  3. fdp desse juiz safado

    ahhH
    que isso
    fala serio pow

    joga uma bomba n ksa dele ahUHAuAhau

    quero youtube..n vivo sem…que isso
    vlw

    n apoiem essa merda
    protesto

    QUERO MEU YOUTUBE DE COLTA ! ! !

  4. Preconceito à parte, como você espera ser bem atendidos se as atendentes vão estar consultando o manual da empresa para poder estar te respondendo e um site estar sendo censurado pela justiça não é uma coisa que se foi prevista com antecedência?

  5. Eu não entendi por que reclamar com a Telefônica. Uma ordem judicial não se discute, mandaram tirar a empresa tem que tirar. A Telefônica ainda se deu o trabalho de redirecionar para uma página informando o motivo do acontecido, enquanto a Brasil Telecom só bloqueou o acesso.

    Acho que o problema todo aí está na pessoa que iniciou o processo e na justiça, que não entende como a internet funciona e toma decisões como essa.

  6. Muito bom Élcio. Se todos reivindicassem seus direitos como você, a pressão sobre as empresas que bloquearam o acesso seria bem maior. Demonstrando a força da internet e a liberdade de expressão.
    Assim, como disse o Marco Gomes no blog dele. Apesar de não possuir muito conhecimento técnico sobre isso. Acho que bloquearam o acesso ao site inteiro para desafogar seus links.
    Abraço!

  7. Tenho que sair agora, mas farei isso à noite, obrigado pelo texto.

    Mas não vou no chat não, vou no telefone mesmo.

    Valeu também pelos links, dessa vez vou fazer barulho!

    [ ]´s

  8. É complicada uma coisa dessas, quanto ao atendimento por parte da empresa, eh bem assim mesmo, eles não sabem atender bem um cliente.
    Quando tentei entrar no youtube e me apareceu a mensagem eu me senti na china, é um absurdo bloquear o acesso a um veiculo de comunicação que pode ser muitas vezes útil.

  9. Muito bem argumentado (inclusive com a Shirley). É realmente preocupante a facilidade com que os tribunais brasileiros bloqueiam o acesso a veículos de comunicação. Isso já aconteceu até com a Rede Globo.

    Eta país complicado…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *